quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

SP ESCOLA DE TEATRO, INAUGURADA NA ROOSEVELT

O governador Alberto Goldman inaugurou nesta quarta, 29, a sede da SÃO PAULO ESCOLA DE TEATRO - Centro de Formação das Artes do Palco, situada na Praça Roosevelt, um dos mais importantes polos culturais da capital paulista. A escola está instalada em um prédio com área superior a 1,7 mil m², completamente reformado para suas atividades. A obra custou R$ 4,7 milhões.

Para criar a nova sede da SÃO PAULO ESCOLA DE TEATRO, quatro lajes do antigo imóvel abandonado foram demolidas - originalmente havia 12 andares e uma cobertura. Alguns andares do edifício foram associados, dois a dois, para organizar espaços que atendessem as necessidades de áreas técnicas de cenografia (iluminação e som) e do teatro com acesso independente para o público. O espaço ainda recebeu tratamento acústico para o teatro e para as salas de ensaio.O subsolo foi usado para fins de depósitos de materiais cenográficos, áreas de serviços, sanitário público e zeladoria. No piso térreo foi feita a área pública de acesso ao teatro, com capacidade para 96 pessoas. No andar imediatamente superior há um café, a recepção e a área de convivência, criando uma interface entre o interior da edificação e a área externa. Os três primeiros andares, alguns com pé direito duplo, foram destinados ao teatro e áreas de acesso, operacional, administrativa e pedagógica. As oficinas e salas de aula estão nos últimos pavimentos.Planejado para oferecer conforto e qualidade à formação de profissionais especializados em artes cênicas, o espaço tem salas de aula e multimídia, teatro, auditório, espaço de exposições, biblioteca, camarins, ateliês, vestiários e áreas para ensaio."O projeto é uma iniciativa inédita que fomenta a produção e a especialização teatral, atendendo às necessidades dos artistas aprendizes com toda a infraestrutura e suporte educacional”.

"A escola também contribui de forma decisiva para a revitalização da região" afirma o Secretário de Estado da Cultura, Andrea Matarazzo.Em 2010, primeiro ano letivo da SP Escola de Teatro, as aulas foram provisoriamente ministradas na Oficina Cultural Amácio Mazaroppi, no bairro do Brás. O local, construído em 1912 e tombado pelo Condephaat em 1988, foi adaptado para receber os alunos. Após a entrega do prédio oficial, realizada este mês pela Secretaria de Estado da Cultura, a escola migra para o novo imóvel.

As atividades letivas de 2011 estão previstas para começar em 22 de fevereiro.

A SP Escola de Teatro é um projeto do Governo de São Paulo que oferece cursos regulares, cursos de difusão cultural e um programa de bolsas.

Confira video sobre inauguração da SP ESCOLA DE TEATRO



REFORMA DA PRAÇA ROOSEVELT, UM DOS MAIORES PÓLOS CULTURAIS DE SÃO PAULO

Com 4 anos de atraso começou há 3 meses a reforma da Praça Roosevelt, onde está instalada a SP ESCOLA DE TEATRO: becos, escuridão, pouca visibilidade, muito cinza - e pouco verde - numa área antes bastante degradada do centro de São Paulo. Não por acaso, a Praça Roosevelt era, "pouquíssimo utilizada" como uma praça de verdade. Agora, porém, o cenário pode mudar. A reforma do espaço começou e a expectativa é de que, em dez meses, os trabalhos estejam concluídos, apesar do cronograma do contrato com a empreiteira permitir que seja entregue depois de dois anos do inicio das obras.

De acordo com a Prefeitura de São Paulo, foram os "contratempos" que impediram anteriormente o começo das obras. Quando era prefeito, José Serra (PSDB) anunciou para 2006 a reforma. A revitalização da praça é um trabalho complexo, o que justifica os atrasos. "Trata-se de uma obra muito delicada", citando as dificuldades, por exemplo, em demolir parte da estrutura, por causa do tráfego de veículos no entorno.

A lista de problemas incluiu a retirada de uma escola e de um supermercado e o remanejamento de postos da Polícia Militar e da Guarda Civil Metropolitana. Terminada a reforma, a praça será uma área plana - permitindo a uma pessoa numa ponta enxergar a outra. Hoje, uma plataforma elevada em formato de pentágono impede a visão, e ainda criava becos escuros que facilitavam a ação de assaltantes e viciados, além de dormitório para dezenas de moradores de rua.

O local vai ganhar 170 árvores. Duas esplanadas (nas Ruas da Consolação e Augusta) serão criadas com escadarias e rampas, o que também vai ajudar no aumento da visibilidade na praça. Há também a possibilidade da instalação de um telecentro. Segundo a prefeitura, isso ainda não está definido. A reforma custará R$ 38 milhões, pagos pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A reforma da praça é mais uma ação para revitalizar a área. As outras foram as reformas das Ruas Avanhandava e Augusta e a instalação de teatros. Nos planos está ainda a futura criação do PARQUE AUGUSTA, no cruzamento da Rua Augusta com a Caio Prado, uma imensa área verde com centenas de arvores centenárias, além da reforma em finalização da Biblioteca Mario de Andrade, no entorno, que é considerada uma das maiores do Brasil. E, brevemente, a inauguração do novo SESC 24 de Maio que vai atender a população dessa área. "Havendo maior circulação de pessoas, a área passa a ter brilho e fica cada vez melhor, melhorando a segurança e a qualidade de vida dos seus moradores, além de valorizar os imóveis da região",

Fonte: http://dramaticoblog.wordpress.com/2009/11/25/festa-hoje-marca-inauguracao-da-sp-escola-de-teatro-e-ja-ha-muito-para-comemorar/

http://indexet.investimentosenoticias.com.br/arquivo/2010/12/29/402/Governador-inaugura-sede-da-SP-Escola-de-Teatro.html


Se gostou dessa postagem, acesse também:

30/05/10 – Praça Roosevelt, pólo paulistano de cultura
26/06/10 – Moradores de rua, um flagelo social
26/08/10 – Centro de São Paulo, melhor lugar para morar
06/10/10 – As enchentes estão chegando com o verão

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

LULA, ADEUS!

Está chegando ao fim o governo do Presidente LUIZ INÁCIO “LULA” DA SILVA, com uma das melhores marcas de aprovação popular na história deste país. Pesquisa Datafolha divulgada recentemente indica que para 83% dos entrevistados fez uma gestão ótima ou boa. Na opinião de 13%, foi um governo regular (na qual me incluo) e para apenas 4% foi considerado ruim ou péssimo.

Luiz Inácio Lula da Silva, nasceu em Caetés (Pernambuco) dia 27 de outubro de 1945, mais conhecido como Lula, é um político e ex-sindicalista brasileiro. Ele é o trigésimo quinto e atual presidente da República Federativa do Brasil, cargo que exerce desde o dia 1º de janeiro de 2003.

LULA, forma hipocorística de "Luís", é sua alcunha desde os tempos em que era representante sindical. Posteriormente, este apelido foi oficialmente adicionado ao seu nome legal para poder representá-lo eleitoralmente. É co-fundador e presidente de honra do Partido dos Trabalhadores (PT). Em 1990, foi um dos fundadores e organizadores, junto com Fidel Castro, do Foro de São Paulo, que congrega parte dos movimentos políticos de esquerda da América Latina e do Caribe.

Lula é o brasileiro que mais vezes se candidatou à presidência da República do Brasil, sendo candidato a presidente cinco vezes. Em 2006 ultrapassou Rui Barbosa, que se candidatou quatro vezes.

Com carreira política feita no estado de São Paulo, Lula é o único presidente do Brasil nascido em Pernambuco. Seu património pessoal, conforme declarado à justiça eleitoral por ocasião das eleições de 2006, foi avaliado em cerca de 840 mil reais, hoje já atingiu um valor infinitamente maior, fruto de intermediações milionárias e com conhecimentos privilegiados, segundo afirmam diversos jornais. Mas na Argentina a presidente também aumentou mais de sete vezes a sua fortuna durante o seu mandato e já era milionária antes, o que demonstra que é prática comum à todos os presidentes latino americanos o enriquecimento inexplicável durante os seus governos - Lula não é o único, nem o primeiro.

Segundo a revista norte-americana Newsweek, Lula se encontrava no fim de 2008 no 18° lugar das pessoas mais poderosas do mundo, ocupando a liderança do ranking na América Latina. Em lista divulgada pela revista Forbes em novembro de 2009, Lula foi considerado a 33ª pessoa mais poderosa do mundo. Em ambas as listas, primeira colocação mundial é ocupada pelo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

Em 2009 foi considerado o homem do ano pelos jornais Le Monde e El País. De acordo com o jornal britânico Financial Times foi uma das 50 pessoas que moldaram a década pelo seu "charme e habilidade política" e também por ser "o líder mais popular da história do país." Para o Instituto Datafolha, Lula era a personalidade mais confiável dentre uma lista de 27, em pesquisa publicada no primeiro dia do ano de 2010.No Fórum Económico Mundial de 2010 realizado em Davos na Suíça recebeu a premiação inédita de Estadista Global, pela sua atuação no meio ambiente, erradicação da pobreza, redistribuição de renda e ações em outros setores com a finalidade de melhorar a condição mundial. Lula não foi pessoalmente receber o prêmio pois estava com pressão alta. No seu lugar foi escalado o chanceler Celso Amorim que leu o discurso de Lula, quebrando o protocolo de Davos, que diz que uma terceira pessoa não pode ler o discurso de outra.

Uma publicação do jornal Haaretz, com sede em Israel, feita em 12 de março de 2010, afirmou que Lula é o profeta do diálogo, por suas intermediações em busca da paz no Oriente Médio. A revista Time figurou Lula como um dos 25 líderes mais influentes do mundo em abril de 2010.

Também foi condecorado pela Organização das Nações Unidas como o Campeão Mundial na Luta Contra à Fome e à Desnutrição Infantil. Premiação que já foi entregue a Kofi Annan, ex-secretário-geral da ONU, Robert Zoellick, presidente do Banco Mundial e Ban Ki-moon, secretário-geral da ONU.

Dilma Roussef, sua sucesora, afirmou que não descansará enquanto Luiz Inácio Lula da Silva não for um candidato ao Prêmio Nobel da Paz para o Brasil em 2011, em reconhecimento ao seu melhor cabo eleitoral.

Em 31 de outubro de 2010 a candidata governista à presidência, Dilma Rousseff, foi eleita à presidência sem nunca antes ter disputado uma eleição, fato que foi explicado por grande parte dos analistas pela transferência de votos de Lula, que teve segundo o Datafolha] seu governo aprovado por 97% dos brasileiros à época da eleição, 83% com nota boa ou excelente e 14% com nota regular. Assim, Lula tornou-se o primeiro presidente desde Getúlio Vargas a fazer o seu sucessor nas urnas ] e fez com que o PT se tornasse o primeiro partido desde a democratização a ficar no governo federal por três mandatos consecutivos.

Confira vídeo com a despedida do Presidente LULA ao final do seu Governo




Prestes a encerrar seus oito anos de mandato, o presidente LULA apresentou um extenso balanco da gestão e como era de se esperar, o relato manteve abundantes auto-elogios, algumas fantasias e nenhuma autocrítica.

Entretanto, qualquer observador atento e isento de partidarismo, poderá constatar que durante os dois mandatos consecutivos houve um saldo favorável.

Político intuitivo, apesar de semi-analfabeto, LULA descartou a tentação do manejo demagógico da economia e manteve a política econômica responsável iniciada por seu antecessor, colhendo frutos por essa sábia decisão.

No período a econômia cresceu 37,3% (média anual de 4%). As exportações do país triplicaram. A inflação caiu de 12,5% para 5,6% ao ano. A taxa básica de juros reais também cedeu (apesar da oposição dos banqueiros) de 15% para 6%. O desemprego foi reduzido pela metade. A dívida externa foi paga.

Seu governo foi beneficiado por um excelente contexto internacional favorável, que ajudou além do Brasil: China, Rússia, Índia, entre outros emergentes, apesar da crise de 2009. O formidável dinamismo da China (a futura grande potência mundial) puxou o crescimento das principais economias emergentes, que nestes oito anos se expandiram muito, mas muito mais do que o Brasil, que não teve a sorte de um governo mais atuante.

Ainda assim notável, o progresso obtido não pode ficar imune a críticas. LULA não soube aproveitar a imensa popularidade acumulada para promover reformas que tornassem a economia mais competitiva e o Estado mais eficiente, infelizmente.

Impondo à sociedade uma carga tributária superior a um terço do Produto Interno Bruto (a maior do mundo atualmente), o Estado não soube corresponder, prestando serviços péssimos em educação saúde e Infra-estrutura, apesar dos avanços, continuam a ostentar má qualidade, igualando tais serviços aos países mais atrasados do mundo.

Como não se podia esperar a qualquer administração petista, houve uma incrustação maciça de militantes na máquina federal, bastando ressaltar nesse sentido que os cargos de confiança aumentaram 50% desde a administração FHC, todos de militantes do PT, obviamente, custando aos cofres federais aproximadamente 33 bilhões de reais anuais, dinheiro que poderia ter sido revertido para a melhora dos serviços públicos, com a contratação por concurso público de pessoal realmente habilitado e não indicados.

Quanto aos costumes políticos, o desempenho foi deplorável. Para garantir hegemonia no Congresso, o governo utilizou expedientes escusos sob evidente beneplácito presidencial. O mais notório dos escândalos, entre dezenas de outros, o mensalão, foi a ponta visível de um iceberg de ilegalidades impunes, tornando o Brasil um dos mais países mais corruptos do mundo, onde impera a impunidade.

A Política externa foi orientada pelo elogiável intento de ampliar a autonomia do país e a sua influência no mundo. Sua consecução, porém, pecou por desnecessária proximidade com autocracias como Cuba e Irã e pela complacência para com outros violadores de direitos humanos.

Confira vídeo de ARNALDO JABOR sobre o fim do Governo de LULA



Tais ressalvas não empanam o maior êxito do governo LULA, expresso numa relevante melhora nas condições de vida dos mais pobres. Isso se deve ao próprio crescimento econômico, mas também a expansão dos programas de transferência de renda (que apesar de assistencialista e eleitoreiro, obtiveram bons resultados e reconhecimento internacional), do crédito popular (empréstimo consignado) e do aumento no salário mínimo, que continua, porém, ridículo, se comparado ao real preço da cesta básica e necessidades de subsistência de qualquer trabalhador brasileiro.

Em resultado, o estrato mais carente da população, aquele que recebe R$ 140,00 mensais per capita (e são milhões e milhões no Brasil), diminuiu de 33,3% do total em 2001 para 15,5% em 2008.

O petista, apesar de arrecadar mais, investiu em infra-estrutura tanto quanto o antecessor, FHC. Apesar do PAC 1 e 2, ambos os governos investiram o mesmo: uma média de 0,7% do PIB. Com o resultado de 2010, é provável, que finalmente LULA supere a média de FHC, mas por pouco. Ela passaria a 0,76%.

LULA, com o seu carisma e a sua inegável simpatia, despede-se do governo deixando saudade à grande maioria dos brasileiros, que agora miram a sua sucessora DILMA ROUSSEF, com a expectativa que a mesma continue o seu trabalho e, ainda, com a coragem de fazer todas as mudanças necessárias, tornando o BRASIL um protagonista no cenário internacional e trazendo ao seu povo qualidade de vida e amor e reconhecimento a este grande país, por tantos séculos abandonado a interesses de alguns poucos coronéis e grupos isolados (leia-se ACM, Sarney, Calheiros, Maluf e muitos outros).

Confira vídeo do primeiro discurso da presidente eleita DILMA ROUSEFF



Fonte: FOLHA DE SÃO PAULO, 19/12/10

Se você gostou dessa postagem, leia também:

10/11/10 – Os maiores desafios de Dilma Roussef para o Brasil
29/10/10 – A corrupção endêmica no Brasil
21/09/10 – A escravidão não acabou no Brasil
07/09/10 – O problema do lixo no Brasil
09/06/10 – Brasil, país com a maior diversidade, produz pouco
31/05/10 – Rolando Boldrin tem vergonha do Brasil
17/05/10 – A candidata Dilma Roussef
02/05/10 – O custo do Congresso Brasileiro e as suas farras

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

NATAL 2010 EM SAMPA E RESTO DO BRASIL



O ano passou muito rápido e já estamos no Natal. Ao invés de comemorarmos o aniversário de Jesus Cristo no dia 25 de dezembro, a data se transformou na mais importante do ano para o comércio e ninguém mais lembra a sua verdadeira finalidade, assim, o aniversariante fica esquecido, relegado para segundo plano (ou terceiro?).

Papai Noel se transformou no verdadeiro protagonista do Natal, com o seu saco repleto de presentes e o 13º Salário o patrocinador de toda esta festa, infelizmente.

Mas, independentemente da desvirtuação da finalidade da comemoração do Natal, uma coisa é inegável, a beleza dos enfeites natalinos e principalmente as luzes que brilham por toda a cidade.

Não há um só canto da cidade que não valha a pena visitar para olhar os enfeites e a iluminação ricamente colocada para deleite do público, que fica extasiado com tanta beleza: AVENIDA PAULISTA, VALE DO ANHANGABAU, PATIO DO COLEGIO, SHOPINGS DIVERSOS, PONTE ESTAIADA, e muitos outros lugares na cidade de São Paulo e em todo o resto do país.

Confira vídeo da FOLHA sobre o NATAL EM SÃO PAULO 2010




Assim, não poderia deixar de desejar aos leitores, que me honraram visitando o blog durante todo o ano, um FELIZ NATAL e um 2011 FANTÁSTICO, e que todos os seus sonhos se realizem com muitas alegrias.

Que nossos governantes e políticos tenham piedade dos seus eleitores e que tomem vergonha na cara, não roubando com tanto descaramento os cofres dessa pobre nação emergente, ainda.

Que o nosso povo deixe de se considerar “tiririca” ao eleger tantos “tiriricas” como fizeram na ultima eleição.

Que os nossos empresários possam lembrar-se dos seus trabalhadores com afeto e não com desprezo e por simples obrigação.

Que os nossos educadores consigam levar o conhecimento satisfatoriamente para todos os alunos do país, relegando para o segundo plano o maldito regime de progressão continuada, que não educa ninguém, infelizmente, tornando a educação no Brasil, uma das piores de todo o mundo.

Que, finalmente, tenhamos orgulho por ser brasileiros, nesta nação tão rica em recursos naturais, porém tão pobre em distribuição de rendas, porque apenas poucos conseguem participar da roubança, lastimável, que perdura no Brasil.


BOAS FESTAS E FELIZ 2011 !

Confira vídeo FELIZ NATAL GAY NA AVENIDA PAULISTA

sábado, 18 de dezembro de 2010

CYNDI LAUPER, O PATINHO FEIO DO ROCK

Ela foi conhecida no inicio da sua carreira como o PATINHO FEIO DO ROCK, hoje já madura, tem uma das carreiras mais consolidadas e um público apaixonado que a idolatra, pois além de grande cantora, atriz, compositora e instrumentista, possui um caráter incrível, que a tornou também: excelente esposa e mãe, e, ainda, uma das maiores trabalhadoras por causas sociais do Estados Unidos e porque não dizer, do mundo.

CYNDI LAUPER (nascida Cynthia Ann Stephanie Lauper Thornton em Nova Iorque, dia 22 de junho de 1953) é uma cantora estadunidense vencedora do Grammy, compositora, multi-instrumentista e uma atriz vencedora do Emmy. Com o lançamento de seu primeiro álbum solo, She's So Unusual, Lauper se tornou a primeira mulher no mundo a ter cinco canções na Billboard, a parada musical mais importante do mundo. Lauper já lançou 11 álbuns de estúdio e cerca de 40 singles, vendendo cerca de 25 milhões de álbuns no mundo. Recentemente lançou seu 11° álbum de estúdio, chamado Memphis Blues, lançado nos EUA em 22 de junho, vendendo 15.353 cópias na semana do lançamento, estreando na 26ª posição da Billboard 200 e em primeiro lugar no Billboard Blues Albums.

Em 1983 lançou o álbum She's So Unusual, que viria a lhe dar notoriedade em todo o mundo. O álbum vendeu nove milhões de cópias no mundo . O primeiro single, Girls Just Want to Have Fun, atingiu o topo das paradas chegando a se tornar um hino da geração MTV. Contudo, foi com o segundo single, Time After Time, que Cyndi Lauper atingiu o primeiro lugar nos mais diversos países. Logo depois vieram All Through the Night, She Bop e Money Changes Everything, e ela passou a ser conhecida no mundo inteiro, seus clipes eram exibidos com exaustão na MTV, suas músicas no rádio, enquanto seu estilo nada convencional era copiado por adolescentes da época. Todo esse sucesso lhe rendeu o Grammy de 1984, na categoria "melhor cantora revelação".

Confira vídeo de CYNDI LAUPER cantando minha musica favorita “TIME AFTER TIME”



Cyndi participou em 1985 do filme Os Goonies. A trilha sonora do filme traz duas canções dela: "The Goonies 'R' Good Enough" e "What a Thrill". A primeira canção saiu em single e logo se tornou um hit. Nesse mesmo ano, ela foi convidada para participar do projeto USA for Africa, liderado por Michael Jackson, onde vários artistas se reuniram e gravaram a canção We are the World, no contexto de arrecadação de fundos para ajudar as crianças carentes da África.

Com o novo álbum “TRUE COLORS”, mostrou uma outra Cyndi Lauper: uma Cyndi mutante, em evolução, aperfeiçoando tudo o que já fazia bem e somando seu talento nos arranjos e na produção do álbum. Isto acabou provocando, em quem ouviu o trabalho, a sensação de que algo de novo estaria para acontecer com ela: “Quero chegar nas pessoas que batalham todo santo dia, naqueles para quem a maior conquista é conseguir construir alguma coisa, conseguir viver um dia atrás do outro. Por isso escolhi ser suave. Agora, se suavidade é confundida com frescura, o problema não é meu.”

Este álbum foi um aviso sério no que dizia respeito às escolhas e capacidades de Cyndi como cantora. True Colors, o primeiro hit de 1986, chegou ao 1º lugar nos EUA e “Change of Heart” foi #3 na BillBoard. Neste álbum, que chegou ao 1.º lugar na Austrália e #4 nos EUA, ainda tinha “What’s Going On” excelente regravação de Marvin Gaye que chegou ao #12 na Billboard. Apesar dos destaques serem feitos “em cima” não se pôde deixar de sublinhar o soberbo aproveitamento da fusão de “What’s Going On” com Iko Iko, as duas canções que Cyndi “desenterrou”, além da forte presença de outros gênios como Nile rodgers, Billy Joel e Adrian Belew. “A única coisa que me interessa é fazer o que gosto com quem gosto. Não poderia ser criativa se fosse premeditada. Pronto: gosto de fazer o que me dá na cabeça!”. O álbum foi um sucesso moderado de vendas, atingindo seis milhões de cópias vendidas em todo o mundo. Cyndi saiu em turnê com a True Colors World Tour, e em 1987 lançou o vídeo "Cyndi Lauper in Paris", com um "show" gravado na França. Em 1988 Cyndi estreou no cinema com o filme "Vibes", por ela protagonizado. A música "Hole in My Heart", gravada no mesmo ano e lançada como single, faz parte da trilha sonora do filme. No mesmo ano participou de uma oficina de compositores americanos na União Soviética, juntos lançaram o álbum: “Music Speaks Lounder Than Words” onde ela canta “Cold Sky” feita por ela mesma. “Estou me sentindo como se fizesse parte da marinha mercante.”

Cyndi tornou-se bem mais do que um personagem único na atmosfera pop, que surge aparentemente do nada para arrebatar a capa da Rolling Stones: “Cyndi virou celebridade”. Apesar da excelente venda dos álbuns anteriores e de sua intensa presença em todos os playlists de praticamente todos os formatos de FM e na MTV – uma conquista triunfal para qualquer artista que se pretenda popular – Cyndi havia se tornado uma prisioneira de sua própria fama. Celebridade era a última coisa que ela pretendia ser...

Em 1990 Cyndi chega a anunciar que ia abandonar a carreira dizendo que mandavam nela e a impediam de compor. Com o apoio de fãs e amigos ela muda de idéia. Dedica-se mais ao Rock e muda completamente o visual. Neste ano ela participa do famoso show de Roger Waters, The Wall Live in Berlin, cantando Another Brick In The Wall. Cyndi entra nas gravações de seu segundo filme, "Fora de Controle", no qual Cyndi foi bastante elogiada por sua atuação, o filme não chegou a ser campeão de bilheteria, mas foi bem executado nos cinemas, e muito locado. As gravações terminaram em 1991, sendo o filme lançado no mesmo ano.

Confira video de CYNDI LAUPER cantando “ Girls Just Want To Have Fun” - Live HD




Durante as filmagens do seu segundo longa "Fora de Controle" protagonizando a dançarina que se vestia de sereia chamada Cyd Morse ela conheceu o ator David Thornton. Cyndi dava carona para todos do estúdio e descobriu que David não tinha carro. Então começou a chamá-lo para ir com ela também. Cyndi o chamava de assassino por causa do papel dele no filme. Em uma dessas caronas, David começou a passar a mão na perna de Cyndi. Ela olhava para ele e ele olhava para frente como se nada acontecesse. Quando chegaram no prédio onde David morava ele deu um beijo em Cyndi e subiu. Ele vestiu o pijama, escovou os dentes, passou o fio dental (ele é bem certinho) e o telefone tocou. Era Cyndi perguntando: "Você me beijou?" e ele disse: "Sim". Houve uma longa pausa até que Cyndi disse: "Então desça aqui e termine o que começou!". Ela subiu e ficou com David. Assim começou o namoro. Meses depois David pediu Cyndi em casamento e ela aceitou. O casamento foi no dia 24 de novembro. Cyndi impressionou a todos, pois a rainha da extravagância vestiu um vestido de noiva tradicional branco e o cabelo loiro, pouca maquiagem, enfim, estava normal. Seu vestido tinha sido lavado a seco e encolheu. Ela não podia levantar os braços. Já o pastor Little Richard estava uma aberração com um terno todo colorido e ainda por cima arrancou risos dos convidados , pois tropeçou e falou "merda". A cerimônia foi simples na casa de Cyndi em Nova York. Ainda teve a participação da cantora e amiga de Cyndi, Patti Labelle que cantou na cerimônia a canção "Come What May" e no futuro viria a ser a madrinha do filho de Cyndi e David. Além disso,Cyndi participou do projeto Peace Choir e gravou junto com vários artistas a música Give Peace a Chance.

A cantora vem lançando com sucesso diversos albuns, todos com grande repercussão e shows inesquecíveis, desde o inicio da carreira, mas em 2007, Cyndi Lauper começa a compor seu 10º álbum, mas com alguns detalhes a resolver, decide lançá-lo no início de 2008. Em junho ela abre a 1ª anual “True Colors Tour 2007”, que trata de uma turnê em prol dos direitos humanos. “Eu acredito que todas as pessoas têm o direito de viver suas vidas com dignidade, oportunidade e segurança. Não importando sexo ou orientação sexual” declarou a cantora. A turnê passou por 15 cidades americanas e contou com a participação de Gossip, Dresden Dolls, Debbie Harry do Blondie e Andy Bell do Erasure.

Assim, alternando a sua carreira de sucesso e o seu trabalho benemérito por causas sociais, pela luta a favor dos direitos humanos e das minorias contra o preconceito, vem angariando um público apaixonado, cada vez maior, que se renova a cada ano. Constantemente é lembrada para o Nobel da Paz e tem o presidente Barack Obama como um cabo eleitoral apaixonado.

EM 2010:

Em 22 de junho de 2010 Cyndi lançou Memphis Blues, álbum de regravações de clássicos do blues nomeado ao Grammy Awards de 2010 na categoria Best Blues Album Of The Year, que conta com a participação de Charlie Musselwhite, Allen Toussaint, B.B. King, Jonny Lang, Ann Peebles e o saxofonista brasileiro Léo Gandelman. Memphis Blues debutou na Billboard Blues Album Chart na posição #1, e estreou na Billboard Top 200 Albums Chart na posição #26. Para divulgação do album, foi lançado como single a faixa número 1 do álbum, chamada 'Just Your Fool".

Memphis Blues ficou 14 semanas em 1° lugar no Billboard Blues Album e até agora já vendeu 70 mil cópias apenas nos Estados Unidos e mais de 350 mil no resto do mundo.

Confira vídeo de CYNDI LAUPER cantando seu grande sucesso “TRUE COLORS” que dá nome a sua fundação




A cantora e compositora Cyndi Lauper anunciou recentemente que sua fundação True Colors, que trabalha pela igualdade para membros da comunidade LGBT, vai abrir uma residência para acolher jovens desabrigados após serem expulsos de casa ou obrigados a fugir, por pertencerem a esse grupo social.

A residência True Colors, que será inaugurada no verão americano, terá sede no bairro do Harlem e deve abrigar jovens entre 18 e 24 anos. A casa vai ser a primeira permanente voltada para o público LGBT, em Nova York.

Fonte: WIKIPÉDIA

Se você gostou dessa postagem, acesse também:

24/06/10 – MICHAEL JACKSON, um ano da sua morte
08/07/10 – CAZUZA E EZEQUIEL NEVES, o elo invisível.
15/08/10 – MADONNA 5.2
08/12/10 – JOHN LENNON, 30 anos da sua morte

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

TEOLOGIA ESPIRITA EM CURITIBA

A partir de 2011, o Espiritismo deixa de ser um estudo exclusivo de centros espíritas espalhados pelo território nacional e passa a ser ensinado em faculdades. O Paraná sai na frente e anuncia para 2011 o primeiro curso superior de Teologia Espírita do Brasil, com direito a diploma, beca e tudo o que é de direito em graduação universitária.

O Brasil é conhecido como o país do Espiritismo com cerca de 2 milhões e 300 mil adeptos. Embora a doutrina tenha surgido na França há cerca de um século e meio, através do educador e pesquisador francês Alan Kardec, foi no Brasil que a crença e experiências tiveram ampla disseminação.


A doutrina da Ciência Espírita tem como base a crença em um Deus Único, criador de todo o Universo e a multiplicidade de mundos habitados. Para os espíritas, a alma é imortal e está em eterna evolução por meio de sucessivas encarnações.

O curso terá foco na análise da doutrina em seu caráter religioso, filosófico e científico. A existência da alma e sua sobrevivência ao transe da morte, bem como fenômenos da mediunidade representam um universo ainda a ser estudado nas rodas acadêmicas.

A graduação de bacharelado em "Teologia Espírita do Brasil" será ministrada na "Faculdade Dr. Leocádio José Correia", em Curitiba, que se alia à Universidade de São Paulo, no curso superior de medicina: "Medicina e Espiritualidade".

Todavia, independente do curso de teologia espírita, muitos bons Centros espalhados pelo país possuem Cursos de Desenvolvimento Mediúnico, que variam de 3 a 4 anos de duração.

Em São Paulo, alguns dos cursos mais conhecidos são ministrados pela FEESP - Federação Espírita de São Paulo – Rua Maria Paula, 140 (fone 011-3115-5544) e pelo CRE – Centro de Renovação Espiritual, na Rua Augusta, 2945 Sobreloja (fone 011-3081-6426).

Confira vídeo Desenvolvimento da Mediunidade (parte 1)



CURSO DE MÉDIUNS:

Em geral, a mediunidade é exercida mecanicamente, sem objetivo definido, pelo simples fato de existir. Mas isso é um erro. O médium deve saber por que é médium, quais faculdades possui, limites de sua aplicação, conseqüências de sua ação, objetivos a atingir e responsabilidades que assume, tanto como indivíduo quanto como membro da coletividade.

Quem desejar a verdadeira felicidade há de trabalhar pela felicidade dos outros; quem procurar a consolação, para encontrá-la deverá reconfortar os mais desditosos da humana experiência.

Eis a lei que impera igualmente no campo mediúnico, sem cuja observação o colaborador da Nova Revelação não atravessa os pórticos das rudimentares noções de vida eterna.

O QUE É O CURSO DE MÉDIUNS:

É um curso de preparação teórico-prático de médiuns para os alunos da Escola de Aprendizes do Evangelho.

QUAIS SÃO AS SUAS FINALIDADES:

Seu objetivo é educar os médiuns para o desenvolvimento e uso da mediunidade voltada para os trabalhos evangélicos tendo como base os princípios da Doutrina Espírita.

Confira vídeo Desenvolvimento da Mediunidade (Parte 2)




COMO SE ESTRUTURA:

Reuniões

As reuniões são semanais, com 90 minutos de duração. Sugestão para roteiro:

O roteiro de uma reunião da parte teórica é muito semelhante ao das aulas da Escola de Aprendizes do Evangelho:
a) Leitura de texto evangélico ou pertinente à Mediunidade, preparação com elevação gradativa e prece.
b) Avisos, leitura de temas, esclarecimentos em geral.
c) Exposição da aula: assunto específico segundo programação.
d) Encerramento, com vibrações e prece para agradecimento. Na parte prática, costuma-se trocar a ordem dos itens (b) e (c) e, além disso, em lugar da exposição da aula ocorrem os exercícios mediúnicos.

Direção

A direção é composta por um dirigente, um auxiliar e um secretário. O dirigente deve ser membro da Fraternidade dos Discípulos de Jesus.

Participantes

Podem ser inscritos no Curso de Médiuns todos os alunos que estiverem no grau de Servidor da Escola de Aprendizes do Evangelho.

Somente podem freqüentar o Curso de Médiuns aqueles alunos que se mantiverem na Escola de Aprendizes do Evangelho. O afastamento, por parte do aluno, da EAE, implicará seu automático desligamento do Curso de Médiuns.

Programação

O programa do Curso de Médiuns foi aprovado na primeira Assembléia de Grupos Integrados. 27/12/1973. Salientando a objetividade do Curso (onde a teoria é apresentada em apenas sete meses) e, principalmente, o dinamismo e a realidade da parte prática, ocasião em que o Curso de Médiuns se transforma num autêntico trabalho de auto-realização.

Este programa, que representa um avanço em matéria de desenvolvimento da mediunidade, pode ser colocado em prática por qualquer Centro Espírita bem dirigido e a Aliança estará sempre à disposição para esclarecimentos que se façam necessários.

RESUMO

Primeiro período (teoria) --- 29 aulas
Segundo período (prática) --42 aulas.
Revisão................................1 aula
Total:....................................72 aulas.

Confira vídeo Desenvolvimento da Mediunidade (Parte 3)



Fonte: http://www.comunidadeespirita.com.br/mediunidade/desenmed/curso%20de%20mediuns.htm

Se você gostou dessa postagem, acesse também:

11/05/10 – O que é terapia de vidas passadas?
30/07/10 – Os animais no plano espiritual
10/08/10 – Reencarnação, o que você conhece?
15/09/10 – No Brasil cresce a cada dia a fé no espiritismo
11/12/10 – A Culpa, segundo a terapia das vidas passadas

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

MEDICINA NA ARGENTINA SEM VESTIBULAR

Quantos jovens brasileiros não sonham em fazer um curso de medicina e ficam apenas na utopia, por falta de condição financeira de arcar com os custos de uma universidade particular, entre R$ 3.000,00 e R$ 5.000,00 mensais. A outra alternativa: uma Universidade Pública, encontrarão centenas de concorrentes para cada vaga, que torna o acesso quase a sorte grande de uma mega sena.


Agora, por incrível que possa parecer, surgiu a chance de estudar medicina na ARGENTINA e sem vestibular, inclusive, pelo custo de U$ 2.000,00 anuais. O custo de um mês no Brasil para uma universidade particular.

O Brasil é famoso por ter uma das cargas tributárias mais altas do mundo, com pouco retorno aos brasileiros. É famoso pelos juros exorbitantes. É famoso pela péssima distribuição de renda. É famoso pela corrupção. É famoso pela educação sem qualquer qualidade e agora também famoso pelos cursos superiores de medicina caríssimos, enquanto em países do MERCOSUL custam 10 % do praticado no nosso país.


Confira vídeo da TV Globo – FACULDADE DE MEDICINA NA ARGENTINA SEM VESTIBULAR POR 2 MIL DOLÁRES ANUAIS.




Se o curso for realizado numa universidade particular da Argentina, será de apenas 6 anos, como no Brasil, porém se for numa universidade pública, é necessário 1 ano do CBC (ciclo básico comum), a faculdade acaba sendo 7 anos, 1 a mais que no Brasil para se formar. E depois de formado o diploma só é "reconhecido" pelo MEC para fazer a REVALIDAÇÃO! Ou seja, ninguém se forma lá, já podendo atuar aqui. A revalidação atualmente é basicamente constituida de duas provas, teórica e prática (e dizem que não é nada fácil passar, quem sabe no futuro isso mude). Quem não consegue revalidar o diploma (o que acontece com muita freqüência) tem que fazer uns 2-4 anos ainda em alguma particular aqui no Brasil, para obter o diploma brasileiro valido para atuar no país.

Confira video da TV Record – Argentina em Verde e Amarelo



Fontes: http://www.medicinanaargentina.com.br/

Se você gostou dessa postagem, acesse também:

13/11/10 – Cinqüentões e o mercado de trabalho de hoje
09/09/10 – Mercado de Trabalho após os 40 anos
31/08/10 – Idosos, Mercado volta a oferecer Vagas
23/08/10 – Tecnologia da Informação, há Vagas, falta Qualificados
14/06/10 – Brasileiros vivendo no exterior
29/05/10 – Saiba como estudar pela Internet
25/05/10 – No Brasil falta mão de obra qualificada

FÁBIO ASSUNÇAO E O SEU DRAMA COM AS DROGAS

Não há quem não conheça ou até mesmo tenha vivenciado na sua própria família o problema de usuários de drogas, a dependencia quimica, os tratamentos e as eternas recaidas. É com muito pesar que estamos assistindo na TV o drama do famoso ator global FABIO ASSUNÇÃO, que apesar dos tratamentos a que vem se submetendo, continua como dependente quimico.

FÁBIO ASSUNÇÃO PINTO G. nasceu em São Paulo, dia 10 de agosto de 1971 e é um ator célebre por seu trabalho em telenovelas da Rede Globo

Fábio Assunção dizia, quando pequeno, que queria ser médico, mas mudou de idéia ao ouvir a sua vizinha tocando piano. Um dia ele disse para o pai que também queria aprender a tocar aquele instrumento. O pedido foi aceito e ele recebeu aulas de piano por dois anos e meio, depois de violão clássico, popular, canto e coral. Com apenas 15 anos, sabendo tocar guitarra e piano muito bem, ele chegou a montar uma banda chamada Delta T, mas o sonho acabou por falta de dinheiro e de tempo para praticar.

Fábio iniciou a faculdade de publicidade, até que um dia ele viu um anúncio de um curso de teatro na Fundação das Artes, em São Caetano, o qual resolveu fazer. Isso foi o começo de uma brilhante carreira. Uma semana depois de ter levado seu currículo à Rede Globo e ter sido escolhido em um teste, ele já estava gravando Meu Bem, Meu Mal, sua primeira novela. Posteriormente, seguiram-se vários outros trabalhos, tornando-se um dos atores preferidos de Gilberto Braga.

Em 1993, viveu seu primeiro vilão, em Sonho Meu, e em 1999 interpretou seu primeiro protagonista em Força de um Desejo. Depois viriam os mocinhos de Coração de Estudante e Paraíso Tropical.

Também participou de várias minisséries e seriados como protagonista, entre elas: Labirinto, Os Maias, Mad Maria e Copas de Mel.

Casou-se, no dia 23 de Março de 2002, com a produtora Priscila Borgonovi, mas se separou em 2005. Fábio e Priscila têm um filho juntos.

Foi indicado duas vezes ao Troféu Imprensa, na categoria "Melhor Ator", por sua interpretação como Marcos Mezenga em O Rei do Gado em 1996 e como o vilão Renato Mendes de Celebridade em 2004.

Esse mesmo personagem de Celebridade acabou lhe dando os prêmios Qualidade Brasil (2004) e Contigo (2004).

Em 2008, o ator ganhou o prêmio de "Melhor Ator" no Festival de Cinema Brasileiro de Los Angeles, por sua interpretação no filme Bellini e o Demônio.

Em 2008, voltou as novelas como o protagonista de Negócio da China, sua primeira novela de Miguel Falabella, tendo se afastado da mesma em 13 de novembro por "motivos de saúde". Na verdade, conforme divulgado pela edição 2087 da revista Veja, de 19 de novembro de 2008, Fábio Assunção era usuário de cocaína e estava causando vários problemas durante as gravações: não conseguia decorar os textos, dormia pelos cantos, faltava, fumava sem parar e certa vez chegou a desmaiar. Maquiadores da novela precisavam disfarçar as marcas no rosto do ator provocadas por noites sem dormir. Assunção já havia sido detido em 24 de janeiro de 2008, comprando cocaína num flat da capital paulista, do traficante Orlando Dias, seu fornecedor habitual.

Ainda em tratamento contra o vício das drogas, retornou à televisão recentemente como o protagonista da minissérie Dalva e Herivelto - Uma Canção de Amor. Estava como nome certo para uma nova novela brevemente, porém, cancelou alegando não estar em condições fisicas de suportar o ritmo intenso das gravações, ainda.

Confira vídeo da TV Record – DOMINGO ESPETACULAR – sobre o drama de Fábio Assunção



DEPENDENCIA QUIMICA:

A dependência química ou física é uma condição orgânica que nasce da utilização constante de certas drogas psicoativas, as quais consequentemente provocam o aparecimento de sintomas que envolvem especialmente o Sistema Nervoso Central, o qual se torna dependente de uma dada substância, sofrendo assim os efeitos de uma abstinência repentina e prolongada. O uso abusivo do álcool, de drogas consideradas ilegais e da nicotina pode gerar esta reação corporal.

A dependência é distinta do vício, que leva o usuário ao consumo excessivo e compulsivo da droga, gerando uma conexão psíquica mais profunda, uma ligação patológica com as substâncias utilizadas. Mas a sujeição química também é uma enfermidade, que exige tratamento eficaz e muitas vezes urgente.

Pode-se reconhecer este quadro através da observação de diversos sintomas, entre eles a carência de ampliar a dose habitual para se conquistar repetidamente o efeito desejado; ansiedade, irritação, incapacidade de dormir normalmente ou tremedeira, sensações desencadeadas pela tentativa de se abster da droga; consumo cada vez maior ou por mais tempo do que a pessoa havia planejado; necessidade contínua de reduzir ou dominar a utilização da droga ou experiências frustradas neste sentido; amplo dispêndio temporal com tentativas de conquistar e ingerir as substâncias almejadas, ou com a cura de suas consequências; deixar de lado as antigas ocupações sociais e culturais em prol do uso da droga; consumo constante, sem controle, da química de que a pessoa se tornou dependente.

Infelizmente os casos de dependência química vêm crescendo velozmente, constituindo hoje uma das enfermidades psíquicas mais constantes. Apenas a ingestão de cocaína decresceu na última década, mas ao mesmo tempo o número de dependentes do crack tornou-se mais amplo, pois esta droga chega mais rapidamente e de forma mais impactante ao Sistema Nervoso Central. As consequências são também mais drásticas e a dependência mais séria e difícil de sanar.

Confira vídeo da TV Globo – FANTÁSTICO – sobre dependentes químicos



Não é fácil tratar esta doença, pois as reincidências são altas, praticamente metade dos usuários tem uma recaída nos primeiros seis meses e 90% no primeiro ano. Porém, já que ela é classificada como uma enfermidade de natureza crônica, estes números são previsíveis e não indicam a impossibilidade do tratamento. O mais importante é o paciente se sentir estimulado para seguir adiante no processo de recuperação, mobilizar o poder da sua vontade. Ele deve estar preparado para enfrentar os inevitáveis sinais da abstinência, entre eles o aumento da frequência cardíaca e/ou da pressão arterial; suor excessivo; corpo trêmulo e, em estágios mais avançados, ele pode apresentar confusão mental, estados alucinatórios e convulsões.

O dependente será diagnosticado e tratado conforme a droga que ele estiver consumindo, mas normalmente é necessário administrar outro elemento químico ou medicamento, para suprir a retirada repentina da substância habitualmente ingerida. A eficácia de alguns remédios foi testada e demonstrada, assim já é possível alcançar bons resultados no tratamento da dependência do álcool e da nicotina; mas as outras drogas não encontraram ainda um adversário à altura da devastação provocada por elas no organismo humano.

A adoção da psicoterapia também é fundamental na recuperação do paciente. A linha que tem alcançado maiores resultados é a cognitivo-comportamental, que foca especialmente nos quadros de consumo e de abstinência das drogas, procurando despertar no dependente químico condições para que ele se previna de contextos que o levem a recair na ingestão de substâncias químicas que induzem à dependência. É importante igualmente recorrer ao auxílio de órgãos próprios para cada caso, como o Alcoólatras ou Narcóticos Anônimos, até mesmo para a orientação dos próprios familiares. Internar o paciente só é recomendado em contextos mais radicais, como a possibilidade da ocorrência de suicídios, estados de agressividade, psicose e total perda de controle no consumo da droga.

Em nenhum momento pode-se afirmar que o dependente está curado, pois ele sempre trará em si a potencial recaída, que só será evitada se o paciente se abstiver da droga pelo resto de sua existência. Há perspectivas de que, futuramente, a ciência desenvolva remédios mais apropriados para cada situação de dependência; vacinas contra o uso da cocaína e da nicotina têm sido testadas em cobaias humanas. É importante igualmente ter consciência de que alguns medicamentos, os quais só podem ser consumidos por orientação médica, também podem provocar dependência.

Confira vídeo da TV Globo – FANTÁSTICO – com entrevista de Fábio Assunção



Fontes:
Wikipédia, a enciclopédia livre.
http://www.copacabanarunners.net/dependencia-quimica.html
http://www.neurociencias.org.br/Display.php?Area=Textos&Texto=DependenciaQuimica
http://www.infoescola.com/saude/dependencia-quimica/


Se você gostou dessa postagem, acesse também:

12/07/10 – Pedofilia, um crime brutal
24/09/10 – Bullying, você sabe o que é?
21/10/10 – A família brasileira e a homossexualidade
15/11/10 – Transtorno bipolar do humor, o que é?

domingo, 12 de dezembro de 2010

RECOMEÇAR


Há pessoas que nascem com a bunda virada pra lua e conseguem ou atingem todos os seus objetivos, com muita facilidade, sem ter que fazer muitos sacrifícios ou despender muitos esforços. Tudo chega praticamente de mãos beijadas. Não foi o meu caso, felizmente ou infelizmente, não sei.

Perdi o meu pai no final da adolescência e desde então passei a trabalhar para me manter, pagar meus estudos e tudo o que sonhasse ou precisasse. Nada me veio com facilidade e sempre precisei batalhar muito para superar todos os obstáculos (que sempre foram muitos).

E, até hoje, já na maturidade, ainda venho lutando diariamente para sobreviver bem, para continuar crescendo como homem e ser humano.

Já sofri muitas quedas e revezes, mas continuo sempre recomeçando e tentando novos caminhos e, graças a Deus, sem perder o meu animo e a minha esperança de um dia finalmente ser e ter tudo aquilo que sempre sonhei.

Não tenho sonhos ambiciosos de riqueza, mas de conforto e tranqüilidade, que é mais do que suficiente para viver até o final dos meus dias. Porém, tenho certeza que todas as experiências, todos os sucessos e todos os fracassos que venho passando, continuam servindo para o meu desenvolvimento pessoal, além de ter me tornado um homem de caráter, que busca incessantemente o aprimoramento.

Às vezes, nos indagamos: por que recomeçar? E o que é recomeçar? Quantos de nossos dias são vividos com a esperança de que o amanhã será melhor? A vida, na sua rotina dia-noite-dia, é um eterno reinício, um eterno recomeçar.

A cada instante há um recomeço na vida, um recomeço da confiança, de fé, em dias de alegria e realização.

Na repetição de dias e noites, pode-se encontrar a significância do recomeço. Se erramos hoje, por que não buscar o acerto no amanhã? Se ofendemos ontem, por que não pedir desculpas hoje?

Quase sempre, na corrida vida de todos nós, o tempo para reflexão tem sido adiado. Buscamos realizar tarefas e mais tarefas, sem uma estação ocasional para meditar sobre o reinício, sobre um reinício.

O reinício diário, um recomeço diário. O começo do recomeço na manhã. O recomeço da vida no clarear do dia, o recomeço da vida no Sol que se põe.

A simplicidade do existir… nela está a razão para recomeçar.

Esquecer o que se passou há anos, há meses, há dias, há horas, há instantes. Por que e para que lembrar, relembrar o que perturbou a paz, o que infamou a alegria?

Os que de nós não enxergam, na rotina da vida, um recomeço, não vêem as auroras que brilham e brilharão.

Para eles, a vida não é mais que uma contagem de calendário – dias, meses, anos.

Para eles, o pôr-do-sol não revela o principiar da noite que, bela, lenta e calma, oferece o charme das estrelas, a cumplicidade da lua com o encanto do céu, seduz o sono, reconstrói a esperança, suaviza a dor.

A vida não é um acaso. O reinício não é uma circunstância.

Felicidade não é um estado de espírito. Crer não é casual. Viver é recomeçar… todos os dias, pelo alvorecer da nossa compreensão, pela confiança do nosso entardecer, pela infância da brandura que todo ser humano deve ter no coração.

Recomeçar é acreditar que a vida se renova… nos nossos pensamentos e, sobretudo, nas nossas atitudes, no fazer e refazer de nossa conduta. É preciso agir, pois, não se pode, de si para si, pensar que a oportunidade de recomeçar é inexaurível, pois, a cada dia, vidas se iniciam e se findam.

Um dia… um certo dia, talvez já não se possa, nesta vida, recomeçar.

Não deixemos que o tempo passe e, com ele, a ocasião de recomeçar… um dia que podemos encher de felicidade.

Recomeçar… de um ponto… de um lugar. Recomeçar com um gesto, com uma palavra, com um abraço… O sucesso nessa empreitada depende de nós.

Confira vídeo de Paula Toller: Eu tou tentando...



Estar tentando é estar em um processo, é ser humilde para dizer que ainda não chegou ao fim, é ser esperançoso, também porque o fim ainda não chegou.

Estar tentando é estar mobilizado, geralmente com alguém mais que partilha o mesmo ideal, a mesma causa, o mesmo sonho. Estar tentando é estar engajado, é não ter desistido, é estar no processo de encontrar soluções.

Estar tentando é respirar. Toda respiração é uma tentativa de ser manter vivo. Estar tentando é estar vivo. Estar tentando é andar rumo ao desconhecido, ou ao velho conhecido, é ter um foco e não desprezá-lo por nada, é dar valor ao que se sente, ao que se tem (ou quase tem) e ao que se quer, pela perseverança com que se luta. Estar tentando, acima de tudo, é ter uma idéia boa na cabeça, uma crença no possível ou impossível, é não se intimidar com o som de um ‘não’, é não desligar a televisão e achar que tudo já acabou.

Estar tentando é acordar cedo disposto a refazer os métodos, descobrir caminhos, recontar segredos e negociar com o ar que se respira. Estar tentando é escolher com delicadeza um caminho entre muitos, é saber que há sempre caminhos, entre muitos, a ser escolhidos.

Estar tentando é abrir os olhos e fechá-los na hora certa, num gesto de aceitação, mas não de alienação. Estar tentando é trabalhar, é lutar contra nós mesmos, é perguntar sempre o que o amor faria naquele momento. Estar tentando é escrever um blog todos os dias, negando-se a acreditar que novas idéias não mais virão, é estar disposto a mais uma vez respirar e ouvir, é tirar a nuvem dos olhos e tentar ver uma situação angustiante por outro prisma. Estar tentando é fazer as pazes com os dias de luz suave e com nossos sonhos.

Eu tou tentando. E você?

FONTE: TEXTO “ESTAR TENTANDO” - AUTOR: LEO COSTA HTTP://EVOLUIREFLUIR.BLOGSPOT.COM/2005/07/TENTANDO-SER-FELIZ-E-TE-FAZER-FELIZ.HTML

Se você gostou dessa postagem, acesse também:

12/06/10 - Nick Vujicic, um exemplo de vida e superação
31/07/10 - Maestro João Carlos Martins, um exemplo de vida
10/10/10 - José Luiz Tejon, um exemplo de superação

sábado, 11 de dezembro de 2010

A CULPA, SEGUNDO A TERAPIA DE VIDAS PASSADAS

O Dr. DAVIDSON LEMELA é nosso velho conhecido neste blog, já tendo sido objeto de algumas interessantes postagens. Apesar de ser meu primo, posso afirmar com bastante imparcialidade que é atualmente um dos maiores especialistas de “terapia de vidas passadas”, já tendo lançado alguns best sellers sobre o assunto, que elucida com muita profundidade.

Davidson Lemela nasceu em 1953 na cidade de Santos, estado de São Paulo, formou-se em psicologia, na Universidade Católica desta cidade e posgraduou-se em Terapia de Vida Passada pela SBTVP, onde exerce atualmente o cargo de diretor cientifico. Espirita há mais de 30 anos, tornou-se um dos estudiosos das obras de Kardec, bem como, de outros autores que complementam a Doutrina. Como supervisor de cursos de formação na Sbtvp, promove palestras e organiza Workshops, tanto com abordagem espirita, como dentro de temas ligados à Terapia de Vidas Passadas.

Atualmente atende também em consultório como psicoterapeuta em TVP.

Confira vídeo c/estrevista à TV Santa Cecília sobre A CULPA, segundo TVP (Parte 1)



O sentimento de culpa é o sofrimento obtido após reavaliação de um comportamento passado tido como reprovável por si mesmo. A base deste sentimento, do ponto de vista psicanalítico, é a frustração causada pela distância entre o que não fomos e a imagem criada pelo superego daquilo que achamos que deveríamos ter sido.

Há também outra definição para "sentimento de culpa", quando se viola a consciência moral pessoal (ou seja, quando pecamos e erramos), surge o sentimento de culpa.

Para a Psicologia Humanista-existencial, especialmente a da linha rogeriana, a culpa é um sentimento como outro qualquer e que pode ser "trabalhado" terapeuticamente ao se abordar este sentimento com aquele que sofre. Para esta linha de Psicologia, um sentimento como esse, quando chega a ser considerado um obstáculo por aquele que o sente, é resultado de um inadequado crescimento pessoal mas não é considerado uma psicopatologia. Para os rogerianos, todas as pessoas têm uma tendência a atualização que se dirige para a plena auto-realização; sendo assim, o sentimento de culpa pode ser apenas limitação momentânea no processo de auto-realização.

É bastante concebível que tampouco o sentimento de culpa produzido pela civilização seja percebido como tal, e em grande parte permaneça inconsciente, ou apareça como uma espécie de mal-estar, uma insatisfação, para a qual as pessoas buscam outras motivações. As religiões, pelo menos, nunca desprezaram o papel desempenhado na civilização pelo sentimento de culpa.

O sentimento de culpa, a severidade do superego, é, portanto, o mesmo que a severidade da consciência. É a percepção que o ego tem de estar sendo vigiado dessa maneira, a avaliação da tensão entre os seus próprios esforços e as exigências do superego. É o ponto-chave do texto "Mal estar na civilização" de Sigmund Freud.

Confira vídeo c/estrevista à TV Santa Cecília sobre A CULPA, segundo TVP (Parte 2)



Sentimento de Culpa, segundo o Espiritismo (Emmanuel)

Quando fugimos ao dever, precipitamo-nos no sentimento de culpa, do qual se origina o remorso, com múltiplas manifestações, impondo-nos brechas de sombra aos tecidos sutis da alma.

E o arrependimento, incessantemente fortalecido pelos reflexos de nossa lembrança amarga, transforma-se num abscesso mental, envenenando-nos, pouco a pouco, e expelindo, em torno, a corrente miasmática de nossa vida íntima, intoxicando o hausto espiritual de quem nos desfruta o convívio.

A feição do imã, que possui campo magnético específico, toda criatura traz consigo o halo ou aura de forças criativas ou destrutivas que lhe marca a índole, no feixe de raios invisíveis que arroja de si mesma.

É por esse halo que estabelecemos as nossas ligações de natureza invisível nos domínios da afinidade.

Operando a onda mental em regime de circuito, por ela incorporamos, quando moralmente desalentados, os princípios corrosivos que emanam de todas as inteligências, encarnadas ou desencarnadas, que se entrosem conosco no âmbito de nossa atividade e influência.

Projetando as energias dilacerantes de nosso próprio desgosto, ante a culpa que adquirimos, quase sempre somos subitamente visitados por silenciosa argumentação interior que nos converte o pesar, inicialmente alimentado contra nós mesmos, em mágoa e irritação contra os outros.

É que os reflexos de nossa defecção, a torvelinharem junto de nós, assimilam, de imediato, as indisposições alheias, carregando para a acústica de nossa alma todas as mensagens inarticuladas de revolta e desânimo, angústia e desespero que vagueiam na atmosfera psíquica em que respiramos, metamorfoseados-nos em autênticos rebelados sociais, famintos de insulamento ou escândalo, nos quais possamos dar pasto à imaginação virulada pelas mórbidas sensações de nossas próprias culpas.

É nesse estado negativo que, martelados pelas vibrações de sentimentos e pensamentos doentios, atingimos o desequilíbrio parcial ou total da harmonia orgânica, enredando corpo e alma nas teias da enfermidade, com a mais complicada diagnose da patologia clássica.

A noção de culpa, com todo o séquito das perturbações que lhe são conseqüentes, agirá com os seus reflexos incessantes sobre a região do corpo ou da alma que corresponda ao tema do remorso de que sejamos portadores.

Toda deserção do dever a cumprir traz consigo o arrependimento que, alentado no espírito, se faz acompanhar de resultantes atrozes, exigindo por vezes, demoradas existências de reaprendizado e restauração.

Cair em culpa demanda, por isso mesmo, humildade viva para o reajustamento tão imediato quanto possível de nosso equilíbrio vibratório, se não desejamos o ingresso inquietante na escola das longas reparações.

É por essa razão que Jesus, não apenas como Mestre Divino mas também como Sábio Médico, nos aconselhou a reconciliação com os nossos adversários, enquanto nos achamos a caminho com eles, nos ensinado a encontrar a verdadeira felicidade sobre o alicerce do amor puro e do perdão sem limites.

Extraído do Livro: Pensamento e Vida - Francisco Cândido Xavier.

Confira vídeo c/ estrevista à TV Santa Cecília sobre A CULPA, segundo TVP (Parte 3)



Leia, de Davidson Lemela, os livros:

O disfarce da memória (Editora Conhecimento)
A escolha do amor (Editora Conhecimento)


Se você gostou dessa postagem, acesse também:

11/05/10 – O que é terapia de vidas passadas?
30/07/10 – Os animais no plano espiritual
10/08/10 – Reencarnação, o que você conhece?
15/09/10 – No Brasil cresce a cada dia a fé no espiritismo

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

HOMOFOBIA, ATÉ QUANDO?

A cidade mais populosa e cosmopolita do país e palco da considerada maior Parada Gay do Mundo, vem sendo atingida por reincidentes notícias de ataques violentos a homossexuais, causados sempre pela HOMOFOBIA, embora há muito tempo tramite no congresso projeto de lei para punir esse tipo de crime, que não consegue votação por impedimento da bancada católica e evangélica.

Um serviço de denúncias ajudou a Prefeitura de São Paulo a traçar um mapa das agressões provocadas pela homofobia na capital paulista. Entre os principais dados apurados, está a proximidade entre agressores e vítimas: em 54% dos casos os autores das agressões conhecem os alvos. Em 16% dos casos são da própria família, e em 38% são conhecidos, colegas de trabalho ou vizinhos.

Ao todo, 50% das agressões físicas registradas aconteceram no centro expandido, que inclui a Avenida Paulista. A maioria das agressões é contra homens homossexuais de 25 a 39 anos de idade. Depois, 19% na região Leste; 16% na região Sul; 9% na Zona Norte; e 6% na Oeste.

A HOMOFOBIA define o ódio, o preconceito, a repugnância que algumas pessoas nutrem contra os homossexuais. Aqueles que abrigam em sua mente esta fobia ainda não definiram completamente sua identidade sexual, o que gera dúvidas, angústias e uma certa revolta, que são transferidas para os que professam essa preferência sexual. Muitas vezes isso ocorre no inconsciente destes indivíduos.

Para reafirmar sua sexualidade e como um mecanismo instintivo de defesa contra qualquer possibilidade de desenvolver um sentimento diferente por pessoas do mesmo sexo, os sujeitos tornam-se agressivos e podem até mesmo cometer assassinatos para se preservarem de qualquer risco. Muitas vezes, porém, a homofobia parte do próprio homossexual, como um processo de negação de sua sexualidade, às vezes apenas nos primeiros momentos, outras de uma forma persistente, quando o indivíduo chega a contrair matrimônio com uma mulher e a formar uma família, sem jamais assumir sua homossexualidade. Quando este mecanismo se torna consciente, pode ser elaborado através de uma terapia, que trabalha os conceitos e valores destes indivíduos com relação à opção homossexual.

Confira video da Campanha contra HOMOFOBIA



O termo homofobia foi empregado inicialmente em 1971, pelo psicólogo George Weinberg. Esta palavra, de origem grega, remete a um medo irracional do homossexualismo, com uma conotação profunda de repulsa, total aversão, mesmo sem motivo aparente. Trata-se de uma questão enraizada ao racismo e a todo tipo de preconceito. Este medo passa pelo problema da identificação grupal, ou seja, os homófobos conformam suas crenças às da maioria e se opõem radicalmente aos que não se alinham com esses papéis tradicionais que eles desempenham na sociedade, ainda que apenas na aparência.


Alguns assimilam a homofobia a um tipo de xenofobia, o terror de tudo que é diferente. Mas esta concepção não é bem aceita, porque o medo do estranho não é a única fonte em que os opositores dos homossexuais bebem, pois há também causas culturais, religiosas – principalmente crenças cristãs (católicas, protestantes), judias ou muçulmanas -, políticas, ideológicas – grupos de extrema-esquerda e de extrema direita -, e outras que se entrelaçam igualmente no preconceito. Geralmente os fundamentalismos não cedem espaço ao homossexualismo. Há, porém, dentro dos grupos citados, aqueles que defendem e apóiam os direitos dos homossexuais. Dentro das normas legais, também há variantes, ou seja, há leis que entre casais do mesmo sexo e casais do sexo oposto se diversificam. E, por mais estranho que pareça, em pleno século XXI, alguns países aplicam até mesmo a pena de morte contra homossexuais.

Confira video Foda-se Brasileiro à Homofobia (Fuck You - Lily Allen) - Brasil




O homófobo pode reagir perante os homossexuais com calúnias, insultos verbais, gestos, ou com um convívio social baseado na antipatia e nas ironias, modos mais disfarçados de se atingir o alvo, sem correr o risco de ser processado, pois fica difícil nestes casos provar que houve um ato de homofobia. Alguns movimentos são realizados em código, compartilhados no mundo inteiro pelos adversários dos homossexuais, tais como assobios, alguns cantos e bater palmas.

(texto parcial de Ana Lucia Santana no link indicado nesta postagem)

Portugal

De acordo com o artigo 240 do novo Código Penal português, em vigor desde 15 de setembro de 2007, qualquer forma de discriminação com base em orientação sexual (seja ela sobre homossexuais, heterossexuais ou bissexuais) é crime. Da mesma forma são criminalizados grupos ou organizações que se dediquem a essa discriminação assim como as pessoas que incitem a mesma em documentos impressos ou na Internet. E esta lei aplica-se igualmente a outras formas de discriminação como religiosa ou racial. Além disso, o artigo 132, II, "f", do novo Código Penal, define como circunstância agravante o homicídio qualificado por motivo de ódio, inclusive no tocante à orientação sexual.


Confira video da Campanha contra HOMOFOBIA em Portugal



Fontes: Wikipédia
http://www.infoescola.com/psicologia/homofobia/


Se você gostou dessa postagem, acesse também:

18/05/10 – PORTUGAL aprova casamento Gay
03/06/10 – PARADA GAY, palanque ou carnaval?
12/07/10 – PEDOFILIA, um crime brutal
15/07/10 – A AIDS e novas perspectivas mundiais
28/07/10 – PROSTITUIÇÃO MASCULINA

JOHN LENNON, 30 ANOS DA SUA MORTE

Hoje está completando 30 anos da morte do lendário cantor JOHN LENNON, assassinado brutalmente por um fã enlouquecido no prédio onde morava, na cidade de Nova Iorque, que adotou para viver com a sua ultima mulher, Yoko Ono, eterna viuva.

JOHN WINSTON LENNON , nasceu em Liverpool (Inglaterra) dia 9 de outubro de 1940 e faleceu em Nova Iorque (Estados Unidos) em 8 de dezembro de 1980. Foi além de músico, compositor, escritor e ativista em favor da paz . Um dos maiores artistas britânicos do Século XX.

John Lennon ganhou notoriedade mundial como fundador do grupo de rock britânico The Beatles. Na época da existência dos Beatles, John Lennon formou com James Paul McCartney o que seria uma das mais famosas duplas de compositores de todos os tempos, a dupla Lennon/McCartney. John Lennon foi casado com Cynthia Powell, e com ela teve o filho Julian. Em 1966, conheceu a artista plástica japonesa Yoko Ono. Em 1968, Lennon e Yoko produziram um álbum experimental, "Unfinished Music No.1: Two Virgins ", que causou controvérsia por apresentar o casal nu, de frente e de costas, na capa e contracapa. A partir deste momento, John e Yoko iniciariam uma parceria artística e amorosa. Cynthia Powell pediu o divórcio no mesmo ano, alegando adultério. Em 1969, o casal se casou numa cerimônia privada no rochedo de Gibraltar. Usaram a repercussão de seu casamento para divulgar um evento pela paz, chamado de "Bed in", ou "John e Yoko na cama pela paz", como um resultado prático de sua lua-de-mel, realizada no Hotel Hilton, em Amsterdã. No final do mesmo ano, Lennon comunicou aos seus parceiros de banda que estava deixando os Beatles. Ainda no mesmo período, Lennon devolveu sua medalha de Membro do Império Britânico à Rainha Elizabeth, como uma forma de protesto contra o apoio do Reino Unido à guerra do Vietnã, o envolvimento do Reino Unido no conflito de Biafra e "o fraco desenvolvimento de Cold Turkey nas paradas de sucesso".

Confira vídeo de John Lennon cantando Imagine



Em 10 de abril de 1970, Paul McCartney anunciou oficialmente o fim dos Beatles. Antes disso, John Lennon havia lançado outros dois álbuns experimentais, "Life with lions" e "Wedding album". Também lançara o compacto "Cold Turkey" e o disco ao vivo "Live peace in Toronto", creditados à banda "Plastic Ono Band", com a participação de Eric Clapton. No final do ano, sai o primeiro disco solo de Lennon, após o fim dos Beatles: John Lennon/Plastic Ono Band, que contou com a participação de Ringo Starr, Yoko Ono e Klaus Voormann.

Durante a década de 1970, John e Yoko envolveram-se em vários eventos políticos, como promoção à paz, pelos direitos das mulheres e trabalhadores e também exigindo o fim da Guerra do Vietnã. Seu envolvimento com líderes da extrema-esquerda estadunidense, com Jerry Rubin, Abbie Hoffman e John Sinclair, além de seu apoio formal ao Partido dos Panteras Negras, deu início a uma perseguição ilegal do governo Nixon ao casal. A pedido do Governo, a Imigração deu início a um processo de extradição de John Lennon dos EUA, que durou cerca de três anos, período em que John ficou separado de Yoko Ono por 18 meses, entre 1973 e 1975.

Após reconciliar-se com Yoko, vencer o processo de imigração e conseguir o Green Card, Lennon decidiu afastar-se da música para dedicar-se à criação de seu filho Sean Taro Ono Lennon, nascido no mesmo dia de seu aniversário, em 1975. O casal voltou aos estúdios em 1980 para gravar um novo álbum, Double Fantasy, lançado em novembro. Era como um recomeço. Porém em 8 de dezembro do mesmo ano, John foi assassinado em Nova York por Mark David Chapman, quando retornava do estúdio de gravação junto com a mulher.

Dentre as composições de destaque de John Lennon (creditadas a Lennon/ McCartney) estão "Help!", "Strawberry Fields Forever" e "All You Need Is Love", "Revolution", "Lucy in the Sky with Diamonds", "Come Together", "Across the Universe, "Don't Let Me Down" e na carreira solo "Imagine", "Instant Karma!", "Happy Xmas (War Is Over)", "Woman", "(Just Like) Starting Over" e "Watching the Wheels".

Em 2002, John Lennon entrou em oitavo lugar em uma pesquisa feita pela BBC como os 100 mais importantes britânicos de todos os tempos.

Recentemente, em 2008, John foi considerado pela revista Rolling Stone o 5º melhor cantor de todos os tempos.

Confira video de John Lennon cantando Stand by me



Fonte: Wikipédia

Se você gostou dessa postagem, acesse também:

24/06/10 – MICHAEL JACKSON, um ano da sua morte
08/07/10 – CAZUZA E EZEQUIEL NEVES, o elo invisível.
15/08/10 – MADONNA 5.2

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

ESTATÍSTICA DE ACESSOS AO BLOG EM NOVEMBRO

Infelizmente, durante o mês de novembro não consegui postar tantos artigos quanto gostaria, por causa dos meus compromissos de final de ano, porém, mesmo assim, os acessos se mantiveram estáveis, com uma significativa elevação de visitas, tanto no CONTADOR DE VISITAS, que registra os acessos ao blog através do link: http://betaolemela.blogspot.com (que registrou mais de 6 mil visitas) e o contador do GOOGLE que faz a estatística das visitas através de BUSCA, caindo diretamente nas postagens (que registrou aproximadamente 20 mil acessos às postagens):

AS POSTAGENS MAIS VISITADAS NO MÊS:

1) Lixo nas praias e no mar 2.207 acessos
2) Bullying, você sabe o que é? 1.790 acessos
3) Malditas queimadas do Brasil 1.716 acessos
4) Filme Flor do Deserto mostra história real de modelo somali 1.137 acessos
5) Madonna 5.2 932 acessos
6) Prostituição, a profissão mais antiga e rentável do mundo 628 acessos
7) O abandono de idosos nos asilos do Brasil 533 acessos
8) Você separa o seu lixo para a coleta seletiva? 513 acessos
9) Centro de São Paulo, o melhor lugar para morar 241 acessos
10) A desertificação no Brasil e no Mundo 219 acessos

PAÍSES E ACESSOS:

1) Brasil 16.690 visitas
2) Portugal 1.513 visitas
3) Estados Unidos 318 visitas
4) Angola 34 visitas
5) Itália 30 visitas
6) Reino Unido 27 visitas
7) Holanda 24 visitas
8) Suíça 22 visitas
9) Alemanha 21 visitas
10) França 21 visitas


Agradeço sinceramente a todos os leitores que me honraram com as suas visitas, com o compromisso de tentar melhorar sempre o blog, no intuito de torná-lo um bom meio de informação e pesquisa, ajudando na reflexão dos nossos problemas sociais, além de servir para entretenimento, também.

BETO LEMELA

terça-feira, 16 de novembro de 2010

RUA AUGUSTA, O POINT NOTURNO DE SAMPA

Uma vez me falaram e concordei, que a RUA AUGUSTA é um lugar que insiste, como Ronaldo Fenômeno, em voltar à cena, e sempre como protagonista. A Augusta, rua que já foi o endereço de luxo de São Paulo e o lugar mais quente do Brasil durante a Jovem Guarda, está de novo dando as cartas, as fichas, a bola. Não expulsou seus velhos habituês, prostitutas e travestis que batem ponto ali, mas incorporou um público novo, rico, lindo, jovem, abusado.

Dividida pela Avenida Paulista, a Augusta tem dois lados bem distintos. No sentido Jardins, há um comércio muito forte, lojas de roupas e sapatos (que vão ficando cada vez mais chiques conforme você se aproxima da Rua Oscar Freire), brechós descolados, restaurantes, cinema, livraria e espaços culturais. No sentido Centro, fica o lado mais underground, com baladas, bares e lanchonetes. A região, chamada de "Baixo Augusta", ainda tem muitas casas de prostituição, mas esse é um cenário que parece estar perdendo a vez com a chegada de novas casas noturnas.

Confira vídeo da TV UniABC: Rolé com Luciano Falcão – RUA AUGUSTA (Parte 1)



É uma rua onde se pode passar o dia, tantas são as opções.

O LADO DOS JARDINS:

Para os amantes das artes, não faltam lugares. A começar pelo Cinesesc, que sempre tem uma programação alternativa e bem longe dos blockbusters. Vale a pena experimentar assistir aos filmes do bar que fica dentro da sala de exibição, atrás de um painel de vidro, enquanto se toma um café ou experimenta alguma "comidinha".

O espaço Augôsto Augusta Cultural é uma ótima pedida para os amantes da filosofia, das artes plásticas, do teatro ou da música. Além dos cursos livres, é possível encontrar bons livros e obras de arte nas prateleiras.

Para quem não dispensa a boa comida, vale a pena conhecer a variedade de culinárias internacionais, geralmente com os melhores e mais populares preços de São Paulo. Tem culinária grega, mexicana, indiana, tailandesa, italiana, árabe e, claro, a brasileira, sem falar na imensa praça de alimentação do Center 3.

Quando o assunto é roupa, há muitas lojas no estilo shopping e outras mais descoladas como a Galeria Mundo Mix, um desdobramento do evento underground Mercado Mundo Mix, que inaugurou em dezembro de 2009 e vende diversas marcas. Há lojas de roupas para todo estilo e bolso, é um verdadeiro Shopping Center a céu aberto. É difícil, quase impossível, não se encontrar a sua grife preferida, seja da mais simples e acessível, a mais cara e sofisticada.

E como não pode faltar sempre que se fala na Rua Augusta, é preciso conhecer a Galeria Ouro Fino, localizada no quadrilátero nobre da região, entre a Alameda Lorena e a Rua Oscar Freire. Lá se encontra uma variedade linda e diferente de roupas e acessórios para descolados. Já na esquina da Paulista o Conjunto Nacional, com excelentes salas de cinema, espaços de exposição e uma das maiores livrarias da cidade a Cultura.

Descendo um pouco mais há o teatro Procópio Ferreira, que recebe peças importantes do cenário cultural paulistano e a academia do Ballet Stagium, um dos mais conhecidos de São Paulo. Na Rua Estados Unidos a Augusta muda para Rua Europa, mas ainda há a famosa Galeria dos Pães, panificadora 24 horas que oferece lanches deliciosos e a freqüência é considerada uma das mais descolada e linda da paulicéia.

Confira vídeo da TV UniABC: Rolé com Luciano Falcão – RUA AUGUSTA (Parte 2)



O OUTRO LADO:

Se você for encarar a Augusta no sentido Centro, o ideal é que se faça à noite e que você tenha um perfil mais underground. Afinal, o que se destaca naquele trecho são os bares e baladas.

O Vegas Club é um dos mais antigos da região e tem uma programação que vai de rock a eletrônico. O Studio SP saiu da Vila Madalena para se instalar na Augusta em 2005. Funciona como casa de shows, galeria de arte urbana e bar. As paredes são decoradas com stickers e cartazes e a programação vai da chamada nova música brasileira à eletrônica. O Z Carniceria é a opção para quem gosta do diferente. O lugar onde está instalado o bar foi um matadouro e açougue na década de 1950, cujo nome era Z. Na decoração ficaram os ganchos usados para pendurar as carnes, as balanças e os trilhos que levavam as peças de carne para a câmara frigorífica. Os comes e bebes são regados por rádios online que contam um pouco da história do rock.

Com suas discos (em paulistanês, baladas), casas de shows e botecos de esquina, a Augusta e algumas transversais e paralelas tornaram-se uma gigante do entretenimento. É difícil um mês que não se inaugure uma nova balada, e há dezenas, para toda tribo e gosto. A noite quase não se pode caminhar com tanto público em filas para entrar nas casas noturnas, batendo papo nas calçadas ou apenas passeando.

Para os que não estão atrás de badalação, a Rua Augusta sentido Centro tem como opção o Espaço Unibanco de Cinema. São cinco salas com programação diária para vários gostos, principalmente filmes de arte e de diretores reconhecidos pela crítica. No interior há também uma livraria com títulos de arte, em especial aqueles relacionados aos filmes em cartaz, e um café para bater papo e esperar a sessão começar. Para depois do cinema há boas opções bem próximas da sala como o Kebab Salonu, especializado em kebabs, lanches árabes feitos no pão folha; o Frevo, filial da lanchonete Frevinho, que tem 50 anos de história na Rua Oscar Freire; ou O Pedaço da Pizza, para terminar o dia de um jeito bem paulistano e, finalmente, um dos locais mais descolados da paulicéia, o Athenas, que oferece uma comida excelente, com ótimo preço e um público lindo.

Confira vídeo da TV Uni ABC: Rolé com Luciano Falcão – RUA AUGUSTA (Parte 3)



A Rua Augusta que já teve bons tempos, depois entrou numa decadência profunda, apesar da excelente localização, inclusive, com duas ruas famosas paralelas, de um lado a Rua Frei Caneca, com o primeiro Shopping gay da América Latina e onde quase todos os moradores são GLS. Na outra paralela, a Rua Bela Cintra, com luxuosos flats, prédios de apartamentos e restaurantes sofisticados. A prefeitura investiu muito pouco na sua revitalização, apenas trocou todo o calçamento do Centro aos Jardins, deixou subterrânea toda a fiação e plantou mais árvores nas calçadas. Agora pretende para breve inaugurar o PARQUE AUGUSTA que vai deixar á área mais linda e arborizada, numa área que está sendo desapropriada e, já no final, a PRAÇA ROOSEVELT , que está sendo totalmente readequada e urbanizada. Considerada um dos maiores points culturais de São Paulo, com seus inúmeros teatros, casas de shows e barzinhos, além de um público descolado e exigente, finalizando o passeio pela Rua Augusta, que a partir deste trecho muda de nome para Rua Martins Fontes.

Partiu praticamente da iniciativa privada os investimentos da volta aos poucos da Rua Augusta a protagonista dos melhores pontos de São Paulo. No lado dos Jardins reformando seus prédios, trazendo marcas famosas e sofisticando o seu comércio. E do lado do Centro, onde já havia salas famosas de cinema e teatro, inaugurando dezenas de casas noturnas, que a transformaram na principal rua de baladas da cidade.

Pelo que se vê e pelo que se espera, muito em breve, além de ter recuperado o brilho dos anos 70, vai ultrapassar todas as expectativas, tornando-se o MELHOR LUGAR DE SÃO PAULO para compras e o seu entretenimento de lazer, cultura e gastronomia.


Confira vídeo da BAND sobre a Rua Augusta 24 horas e as suas baladas



Se você gostou dessa postagem, visite também:

26/08/10 – Centro de São Paulo, o melhor lugar para morar
26/06/10 – Moradores de Rua, um flagelo social
30/05/10 – Praça Roosevelt, Pólo Paulistano de Cultura